22.4 C
Brasil
segunda-feira, abril 19, 2021

PTB formula plano de trabalho para a retomada econômica do país

Carazinhense Ronaldo Nogueira está presidindo uma comissão especial do partido que trata de um plano chamado “Caminhos para o Brasil” que será entregue em breve ao Presidente Jair Bolsonaro

Na semana passada foram entregues às escolas da rede municipal de educação de Carazinho 200 computadores semi-novos doados pela Fundação Nacional de Saúde – FUNASA.  A doação dos materiais tinha sido tratada ainda quando Ronaldo Nogueira era o presidente da instituição.

Em entrevista à Rádio Diário AM 780, Ronaldo Nogueira que é um dos vice-presidentes do diretório nacional do Partido Trabalhista Brasileiro – PTB, contou que continua morando em Brasília e que está presidindo uma comissão especial do partido que trata de um plano de trabalho para a retomada econômica e de geração de empregos. O documento em forma de livro chamado “Caminhos para o Brasil” tem 150 páginas e deverá ser entregue em breve pelo presidente nacional do PTB, o ex-deputado federal Roberto Jefferson, ao presidente da Republica Jair Bolsonaro.

Nogueira comentou que o trabalho que esta sendo elaborado é fundamento em três eixos: gestão, desenvolvimento econômico e desenvolvimento social que no entendimento do PTB são bases para um plano de governo de ações. Nogueira explicou que são indicações de 14 medidas que versam sobre receitas, 14 para o controle de despesas, 14 ações para desenvolvimento econômico e 14 para o desenvolvimento social.

O carazinhense destacou que assim que o documento estiver pronto deve entrega-lo e apresenta-lo a lideranças de Carazinho. Nogueira destaca que algumas medidas já anunciadas, ou que estão na pauta do governo federal foram inspiradas na carta aberta do PTB entregue ainda no mês de março pelo líder da bancada do PTB no Congresso deputado Pedro Lucas ao Presidente da República dentre estas o fundo garantidor para empréstimos a pequenas e microempresas.

Nogueira frisou que a cada 10 empregos formais no país, 8 são gerados em micro e pequenas empresas, no entanto, estas por vezes encontram dificuldades em acessar crédito de custeio e investimento por não existir para algumas o que o sistema financeiro chama de capacidade garantidora e o fundo garantidor. No entendimento da comissão isto será importante para o desenvolvimento da economia e a preservação dos empregos.

“O Governo enviou a medida provisória disponibilizando R$ 27 bilhões para este fundo garantidor, esta em fase ainda de regulamentação e tramitação para que os bancos possam operar seus financiamentos utilizando deste credito de aval para micro e pequenas empresas”, apontou Nogueira.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Ultimas Notícias

Deise Zuqui mostra alguns penteados dos anos 90 que voltaram para a moda

Deise Zuqui é uma grande especialista de moda e, portanto, está sempre por dentro das novas tendências. E, como a moda é...

Atirador mata 8 pessoas em centro de operações da FedEx nos EUA

Um atirador matou oito pessoas e feriu várias outras em um centro de operações da empresa de entregas FedEx em Indianápolis, nos Estados Unidos,...

Ex-policial abre mão de depor em julgamento por morte de George Floyd

Derek Chauvin, ex-policial da cidade norte-americana de Mineápolis, abriu mão nesta quinta-feira, 15, do direito de depor ao júri sobre sua participação na prisão...

Entidades internacionais criticam Bolsonaro por resposta à Covid-19

O presidente Jair Bolsonaro segue sendo criticado mundo afora devido à forma como o país está lidando com a pandemia do novo coronavírus. Nesta...

Em vídeo à CNBB, Papa Francisco pede união em momento crítico

Em um vídeo de 7 minutos enviado à 58ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), o Papa Francisco pregou “unidade...