25 C
Brasil
sexta-feira, junho 18, 2021

A diplomacia brasileira corteja bloco de países asiáticos

O chanceler Carlos Alberto França vai promover nesta quarta um evento para se aproximar de países da Ásia. Mas quem logo pensa na China, da qual o Brasil tanto depende para a produção de vacinas contra a Covid-19, está enganado.

O ministro das Relações Exteriores oferecerá um almoço em homenagem aos embaixadores da Associação de Nações do Sudeste Asiático, no Palácio Itamaraty. Criada em 1967, a organização reúne Indonésia, Malásia, Filipinas, Cingapura e Tailândia, Brunei, Vietnã, Mianmar, Laos e Camboja.

Entre representantes diplomáticos estrangeiros, apenas os embaixadores desses países foram convidados. Ou seja, nada do chinês Yang Wanming no Itamaraty.

Ultimas Notícias

Portugal limita viagens para e de Lisboa durante os finais de semana

Para conter o aumento de casos de Covid-19, o governo de Portugal decidiu proibir viagens saindo ou chegando à região metropolitana de Lisboa durante...

Você já ouviu falar sobre os vinhos chineses?

O empresário Marco Carbonari é especialista em vinhos há mais de 10 anos, sua paixão pela bebida é tanta que tornou-se proprietário...

Usina nuclear chinesa investiga risco de ‘ameaça radiológica iminente’

A usina nuclear de Taishan, na China, está sob vigilância após alertas de uma “ameaça radiológica iminente” pela empresa francesa que ajuda a operá-la....

Saiba o que é enurese e disfunções miccionais

O Doutor Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes é médico urologista, graduado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e doutorado pela Universidade...

Brasileiros reivindicam direito de viajar para estudar na França

Estudantes e pesquisadores brasileiros lançaram nesta semana uma campanha para pedir a reavaliação do bloqueio que os impede de viajar à França por conta...